Total de visualizações de página

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

SAUDADES...

Minhas Fotos - 2011



Já sentiu saudades,  de pessoas  que nunca viu?
De lugares,  que nunca esteve?
De frases,  que nunca ouviu?

Saudades...
Estranha presença, distante por demais!
Projeção  cósmica?
Harmonização de almas?

Saudades...
Da flor que já murchou!
Do orvalho que secou!
De qualquer ontem,
Que possa estar guardado em algum amanhã!



Tenham um lindo dia!
Beijos!
Jossara Bes.


7 comentários:

  1. Sim.
    Também sinto saudades de alguém distante e que não conheço pessoalmente.
    Este teu poema fala dessa autêntica Verdade que está implícita em Deus. Tudo foi criado por Ele.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

  3. Saudade é uma das propriedades mais importantes do ser humano e um dos alimentos da nossa existência. Veja o que diz o caipira Cearense, o caipira de minha Terra. Juazeiro do Norte.

    SAUDADE É COMO UM PARAFUSO
    QUE NUM BURACO CAI.
    SO ENTRA SI FOR TROCENDO
    SE BATER ELE NUM VAI,
    E SE INFERRUJAR LÁ DENTRO
    ELE LASCA MAIS NUM SAI.

    è a poesia popular invadindo o mundo nordestino

    ResponderExcluir
  4. Oi Jossara,

    que poema gostoso, muitas vezes tenho essa sensação, de saudade de coisas que nunca vi e nem vivi.

    Bejim.

    ResponderExcluir


  5. Palabras e ideas que brotan del techado como un susurro y son tan dulces que se parecen a un beso...

    El que te envío en este instante, para felicitarte e fin de semana y seguir cultivando en armonía la semilla de la cordialidad, que se alimenta del rocío de las estrellas…

    Atte.
    María Del Carmen



    ResponderExcluir
  6. São mudas as neblinas nesta ilha
    É de pobreza o pão que alimenta o meu sentir
    Oiço o mar com os meus próprios dedos
    Parti do desencontro dos meus derradeiros medos

    Parti e deixei no cais mil dúvidas
    Lembrei tempos que corri feliz pelas amoras
    Nesses dias bebi sofregamente a vida
    Nesses dias a minha alegria era incontida

    Um radioso fim de semana


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  7. Amei.... puxa, veio bem de encontro com o que sinto. As vezes tenho sensação que é lembrança de outras vida, como pode, saudade do "que não não vivi" Renato Russo cantava:
    E é só você que tem a cura pro meu vício
    De insistir nessa saudade que eu sinto
    De tudo que eu ainda não vi.
    Estou num novo projeto pessoal, um blog que comecei http://princesasnareal.blogspot.com.br/
    espero que entre e conheça minha forma de expressão, conto com sua força nesse início pra que eu continue inspirada e escrevendo. Bjs, parabéns pelo seu blog lindo.

    ResponderExcluir